Vazamento de gás: veja quais medidas você deve tomar nessa situação

É muito comum que os prédios de hoje venham com um sistema de abastecimento de gás embutido, tal como a água e a luz. Isso é uma vantagem, já que substitui o uso de botijões e traz comodidade à casa.

No entanto, não são todos que possuem esse sistema e ele também não está livre de falhas. Sendo assim , o vazamento de gás ainda pode ocorrer. Neste caso, a prevenção é o melhor remédio.

No condomínio, o principal risco é a explosão. Ela pode ocorrer devido a liberação de grande volume de gás, em decorrência de algum vazamento, por exemplo. Existe também a possibilidade de intoxicação de pessoas e animais domésticos. Isso geralmente ocorre quando o vazamento é menor.

Identificando o vazamento de gás

O gás distribuído em condomínios possui um odor característico. Esse odor provém de substâncias adicionadas ao gás, que originalmente não tem cheiro, para facilitar a identificação de um possível vazamento. Portanto, se você sentir cheiro de gás em seu apartamento, ou em alguma área do condomínio, saiba que alguma coisa está errada.

Tipos de gás

Existem dois tipos de gás que normalmente são usados para abastecer os apartamentos. São eles o Gás GLP e o Gás Natural.

Gás GLP: é um gás a base de petróleo (Gás Liquefeito de Petróleo). Ele pode ser armazenado tanto em botijões quanto em cilindros. O GLP é um gás pesado, ou seja, ele pesa mais que o ar e, por isso, seu risco de explosão é maior. Quando vazado, ele permanece no ambiente por mais tempo, sendo mais difícil de se dissipar, mesmo com ventilação.

Gás Natural: esse tipo de gás é constituído por uma mistura de hidrocarbonetos leves encontrados no solo, o que faz dele um combustível fóssil. Antes de chegar às casas, o gás natural passa por um processo de refinamento, onde impurezas, água e elementos para diminuir o seu peso são retirados. Isso o torna um gás leve, ou seja, mais leve que o ar, o que faz dele um gás menos perigoso em relação ao gás GLP, já que se dissipa mais facilmente com ventilação.

gas-2O que fazer em caso de vazamento de gás?

 

1.Ventilação

Para evitar que o gás de acumule no ambiente, as janelas ou basculantes devem permanecer abertas. Principalmente se aparelhos como aquecedor ou fogão estiverem no local.

2.Botijão de gás

Jamais armazene o botijão em locais fechados e/ou próximos a instalações elétricas, como tomadas ou interruptores. Também recomendamos que evite a proximidade com canos ou ralos. Esses lugares podem armazenar o gás, caso ele vaze. É importante verificar se o nome da companhia que distribui o gás é o mesmo do lacre, no rótulo e no botijão. Lembre-se de manter o registro fechado quando não estiver utilizando e só compre botijões em parceiros autorizados.

3.Cuidados com o fogão

Embora seja um bem durável, o fogão também tem data de validade. Por mais que o eletrodoméstico esteja bem conservado, suas bocas podem apresentar sinais de desgaste com o tempo. Estes desgastes poder dar origem a vazamentos e causar acidentes. Caso você use botijão, certifique-se que a mangueira não esteja atrás do fogão. O calor produzido pelo eletrodoméstico pode danificá-la. Também vale ficar atento a data de validade da mesma. O recomendável é trocar a mangueira a cada cinco anos e usar a própria para gás. Ela deve ser transparente e com uma tarja amarela.

4.Teste com a espuma

Caso tenha dúvidas se realmente existe um vazamento no botijão, recorra ao tão conhecido Teste da Espuma. Funciona assim: você pega uma esponja com sabão ou detergente e passa no ponto de conexão da mangueira com o eletrodoméstico ou com o registro. Se você notar que as bolhas aumentaram ou se mexeram, é sinal que há um vazamento de gás naquele ponto.

5.Chame um especialista

Se você notar que o vazamento não está vindo do interior do apartamento, mas sim das áreas comuns do edifício, chame o síndico ou a empresa responsável pela manutenção imediatamente. Se o vazamento de gás estiver em seu apartamento, peça para que o abastecimento seja desligado e aguarde por uma avaliação do síndico, zelador ou distribuidora antes de voltar a rotina habitual.

Vazamento de gás: quais medidas tomar nessa situação?

O que fazer se sentir o odor do gás?

 

  • NUNCA ligue o interruptor ou qualquer aparelho elétrico. Se houver uma grande concentração de gás no ambiente, qualquer fagulha pode gerar uma explosão.
  • Deixe as portas e janelas abertas para dissipar o gás e NUNCA utilize o ventilador elétrico.
  • Feche o registro imediatamente e retire o botijão do ambiente.
  • Se o cheiro estiver muito forte, evacue o local e chame os bombeiros através do telefone 193.
  • Se o vazamento for no fogão, NUNCA tente identificar qual é a boca defeituosa através de testes com fósforo. Isso pode ser fatal.
  • Não fume no local e não acenda qualquer fonte de calor, como fósforos ou isqueiros.
  • Desligue a chave geral de eletricidade SOMENTE se ela estiver fora do local de vazamento.
  • Retire os materiais combustíveis e afaste as pessoas do local.

 

Casa Grande Netimóveis

Da equipe de conteúdo da Casa Grande Netimóveis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *